terça-feira, 12 de outubro de 2010

Do pó se fez barro, do barro se faz loiça

Têm sido sem dúvida demasiadamente surpreendentes e enriquecedoras as experiências vividas ao longo do trabalho de pequisa que tenho vindo a realizar sobre a produção de olaria em Portugal. Momentos tão cheios, tão cheios que é impossivel ficar com todos eles só para mim. Por isso decidi trazer para este espaço alguns desses momentos, histórias, testemunhos..., partilhá-los com mais alguém, e tentar fazer deste blog um elo de ligação com as questões, com as pessoas, que de forma directa (ou não) estão relacionadas com estas coisas do barro.

Sem comentários:

Enviar um comentário