domingo, 28 de fevereiro de 2010

Debaixo de um céu invernoso...



...árvores a nú.

Pequeno-almoço nutritivo



Hoje tenho pela frente um longo dia de trabalhos académicos.
A acreditar na importância da primeira refeição do dia, decidi-me por um pequeno-almoço energético. Tenho fé que produza influência na minha capacidade de raciocínio e, já agora, também no estado de humor...

sábado, 27 de fevereiro de 2010

Verde que te quero verde






Foi bom passar por aqui.
E lembrei-me do poeta que alguém um dia disse ser mais perigoso com a caneta do que outros com o revólver...

Verde que te quero verde.
Verde vento. Verdes ramas.
O barco vai sobre o mar
e o cavalo na montanha.
Com a sombra pela cintura
ela sonha na varanda,
verde carne, tranças verdes,
com olhos de fria prata.
Verde que te quero verde.
Por sob a lua gitana,
as coisas estão mirando-a
e ela não pode mirá-las.
Frederico Garcia Lorca

domingo, 21 de fevereiro de 2010

Jardim de roda-pé


Passagem para um jardim... infantil.

terça-feira, 16 de fevereiro de 2010

O Carnaval são três dias...










... e estas são as últimas imagens.

segunda-feira, 15 de fevereiro de 2010

Carnaval em Portugal






Prefiro este tipo de Carnaval, com alguma identidade cultural, às cada vez mais frequentes imitações deprimentes inspiradas noutros trópicos.

domingo, 7 de fevereiro de 2010



Amanhã, dia 8 de Fevereiro de 2010, dou início a um novo desafio na minha vida. A ver vamos se terei força e capacidade suficientes para o levar até ao fim. A caminhada faço-a, no entanto, com uma certeza, «Não pactuo, nem quero atraiçoar a minha vida. Luto ainda denodadamente, é certo. O objectivo, porém, não é vencer em plano algum, nem responder a ninguém. E sair do mundo com brio e lucidez». As palavras são de Miguel Torga, mas nelas me revejo inteiramente.

Porta e janelas